quinta-feira, 19 de abril de 2018

Patrick Heron




Patrick Heron (1920-1999)

 Nasceu em Leeds e morreu em Cornwall. Sua família mudou-se para Cornwall quando Heron tinha cinco anos. Seu pai associou-se com outro sócio para expandir o negócio para artista trabalhando com impressão em seda. Em 1929, a família estabeleceu-se em Welwyn Garden City, onde seu pai criou Cresta Silk. Famosos designers passara a trabalhar com ele. Heron começou a criar seus tecidos desde da adolescência. Na escola conheceu sua futura esposa Delia Reiss com quem casou em 1945 e tiveram dois filhos. Durante a II Guerra trabalhou como agricultor até ser dispensado por doença. Retornou para Cornwall para trabalhar para o poeta Bernard Leach. Lá conviveu com os artistas de St Ives tais como Barbara Hepworth e Ben Nicholson. Estudou na Slade School of Art, Londres.
Suas obras iniciais foram influenciadas por Matisse, Bonnard, Braque e Cezanne.
Sua pintura inicialmente figurativa e não figurativa separadamente, passou a incluir nas mesmas telas os dois elementos. Participou da Bienal de São Paulo, onde recebeu a medalha de prata. Grande retrospectiva na Tate Gellery, Londres, 1999. Ganhou o Grande Prêmio John Moors. Em 1977, foi agraciado com a CBE pelo primeiro ministro Harold Wilson. devolvida pelo artista durante o mandato de Margaret Thatcher. Esse mês a maior retrospectiva sobre sua obra na Tate St Ives, Reino Unido.






Zennor: 1945, 1945.

Sunset, Abersoch1947. Coleção particular.


Studies for a Portrait of T. S. Eliot, 1948. National Portrait Gallery, Londres.


Studies for a Portrait of T. S. Eliot, 1949. National Portrait Gallery, Londres.

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now