quinta-feira, 27 de julho de 2017

Paisagens Fragmentadas - André de Miranda na CAsA



CASA – OBRAS SOBRE PAPEL RECEBE A INDIVIDUAL “PAISAGEM FRAGMENTADA” COM GRAVURAS DE ANDRÉ DE MIRANDA, ATÉ 29 DE JULHO
RENOMADO GRAVADOR TRAZ XILOGRAVURAS E DESENHOS A BELO HORIZONTE

Com uma obra reconhecida por explorar uma poética urbana em suas gravuras, o carioca André de Miranda traz a série de xilogravuras e desenhos “Paisagem Fragmentada” em uma exposição individual, na cAsA – Obras Sobre Papel, até o dia 29 de julho.
Após 10 anos trabalhando na série Xilocidade, em que utilizava elementos de arquitetura antiga impressas em classificados atuais de jornal, o artista passou a trabalhar novos elementos, mais cores, mas mantendo sua preocupação com a cidade e sua memória. “Eu me preocupo muito com o urbano, com os imóveis tombados, pois moramos num país sem passado. Trabalho formas arquitetônicas, paisagens da cidade e da minha memória afetiva com ela”, conta o artista.
São 60 obras na mostra, entre as xilos e os desenhos que são estudos de André de Miranda antes de realizar a obra. São “pré-xilos” feitas à tinta china e bico de pena. André de Miranda é um reconhecido gravador e tem mais de 30 anos de carreira na arte contemporânea. Também é desenhista, ilustrador e artista educador.
O convite para a exposição na cAsA partiu da diretora artística Lúcia Palhano, que mantém o espaço exclusivo para a arte sobre papel. “São apenas dois lugares dedicados à arte sobre papel no Brasil. É difícil armazenar essas obras, trabalhar com papel custa caro e esta iniciativa é raríssima. A cAsA tem uma estrutura muito interessante, um acervo maravilhoso e em seu curto período de vida já realizou importantes exposições. Sinto-me muito honrado com essa mostra”, finaliza o artista.





SERVIÇO:
Paisagem Fragmentada, por André de Miranda
Visitação: de 9 de junho a 29 de julho.
De segunda a sexta, das 10h às 19h. Aos sábados de 10h às 14h.
Local: cAsA - Obras Sobre Papel (Av. Brasil 75 - Sta. Efigênia).
Informações: (31) 2534-0899
Entrada franca

Sobre André de Miranda:
André iniciou sua atividade artística aos 15 anos no Rio de Janeiro. Estudou desenho e pintura com Jemile Diban e Maria Cecília de Castro Pinto; xilogravura com Ciro Fernandes, Marcelo Soares, J. Borges e Anna Carolina; gravura em metal com Marcelo Frazão e Heloísa Pires Ferreira. Estudou Desenho de Artes Gráficas e Desenho de Propaganda no SENAI/RJ.  Foi membro do Núcleo de Gravura do Rio Grande do Sul. Residiu na cidade de Curitiba – PR, de 2004 a abril de 2008.
Já realizou mais de 300 exposições individuais e coletivas tanto no Brasil como no exterior. Recebeu muitos prêmios ao longo a carreira, entre os principais:
2011 - Menção Especial na 5ª Beienal de Gravura Olho Latino; 2004 - 9º Premi Internacional de Grabado - Premi el Caliu; 2003 - 8º Premi Internacional de Grabado - Premi el Caliu 2003; 2001 - 49o Salão de Artes de Piracicaba, São Paulo; 1997 - Salão Fundação Cultural de Maricá, Rio de Janeiro; 1985 -1Salão de Artes CIAGA – RJ; 1979 - Salão do Museu da Cidade do Rio de Janeiro, RJ.
Possui obras em importantes acervos, dentre eles: Pinacoteca de São Paulo; Museu Oscar Niemeyer, Curitiba/PR; Pinacoteca Municipal de Araraquara/SP; Hälsinglands Museum, Suécia; Museum and Gallery Bitola, Macedônia; Hokkaido Museum of Modern Art, Japão; Florean Museum, Romênia; Taiwan Museum of Art, China; Rotary Club Acqui Terme, Itália; Musée de Saint-Maur, França; Museo Comarcal de la Garrotxa, Espanha; Museo Escuela de Bellas Artes Carlos Morel, Argentina; Galerie Gravicel – França; Gallery Art Grafic – Bulgaria; Ino-Cho Paper Museum – Japão. Casa da Gravura Solar do Barão – Curitiba/PR; Prefeitura Municipal de Brasilândia, MS; SESC Rio de Janeiro, RJ; Biblioteca Nacional – Rio/RJ.

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now