quinta-feira, 16 de março de 2017

Pé no Chão, Cabeça nas Nuvens na Dotart Galeria




DOTART GALERIA INAUGURA A MOSTRA “PÉS NO CHÃO, CABEÇA NAS NUVENS”
DIA 18 DE MARÇO, COMO PARTE DO “1° CIRCUITO 10 CONTEMPORÂNEO”
MOVIMENTO REÚNE 10 GALERIAS DE ARTE DE BELO HORIZONTE

Como parte do 1° Circuito 10 Contemporâneo, que reúne 10 galerias de arte de Belo Horizonte para um circuito de exposições inéditas, a dotART galeria inaugura a mostra coletiva Pés no chão, cabeça nas nuvens, no dia 18 de março. A mostra reúne obras o acervo da galeria. Entre os artistas estão Renata Egreja, Felipe Fernandes, Sofia Borges e Lívia Moura, além de uma nova obra de José Damasceno.
O “10 Contemporâneo” é um movimento criado pelas dotART galeria, AM Galeria, Beatriz Abi-Acl, C. Mafra, Celma Albuquerque, Lemos de Sá, Manoel Macedo, Murilo Castro, Orlando Lemos e Quadrum Galeria de Arte. Todas elas inauguram exposições inéditas simultaneamente, no dia 18 de março, criando assim um circuito com o que há de melhor no mercado da arte contemporânea na cidade.
“Um novo momento está iniciando no cenário da arte em BH, criando um núcleo de galerias para mostrar e pulsar a nossa cara. Nosso caminho é apostar, investir e acreditar no nosso olhar, acreditar nos nossos artistas e convencer os clientes que arte é um bom desejo, um bom sonho... E um bom negócio.”, explica Wilson Lazaro, diretor artístico da dotART e curador da exposição da galeria.
A mostra “Pés no chão, cabeça nas nuvens” traz uma leitura das repercussões da crise emocional e financeira do mercado. “É preciso ter pés no chão, no entanto, considerar que nossa criação e criatividade devem andar com a cabeça nas nuvens, esse contexto não compromete a ascensão da nossa arte contemporânea, nem desacelera seu ritmo, levando em conta a qualidade dessa criação e o pensamento para um futuro que ainda está por acontecer”, comenta o diretor artístico.
Pensada no tempo e no espaço, a coletiva traz uma trajetória do viajante que resulta em uma experiência transcendental, ainda que imerso na atualidade. As obras apresentadas criam uma atmosfera, um lugar singular, onde o embate entre arte e espectador é reinventado e o processo artístico pode ser compreendido de uma nova maneira. É a síntese da confluência da arte.
A exposição foi desenhada e pontuada com o acervo da dotART galeria, que apresenta artistas como Volpi, José Damasceno, Daniel Lannes, Alvaro Seixas, Pedro Varela, Marcos Chaves, Leonilson, Ruben Valentim, Anish Kapoor, Nelson Felix, Ioli de Freitas, Gilson Rodrigues, Franz Krajcberg, Cássio Vasconcelos, Janaina Tchape, José Pedro Croft, Roberto Freitas, Amilcar de Castro, Antonio Dias, Paulo Climachauska, Marina Saleme, Ana Maria Maiolino, Bruno Faria, Albert Casamada, Lygia Pape, Bruno Giorgi, Felipe Fernandes, Lívia Moura, Renata Egreja e Cildo Meireles.


Felipe Fernandes.

SERVIÇO:
Pés no chão, cabeça nas nuvens
Abertura: 18 de março, às 11h.
Visitação: até 01 de abril de 2017.
Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 19h.
Sábado, das 9h às 13h.
Local: dotART galeria – Rua Bernardo Guimarães, 911 – Funcionários – BH/MG
Entrada Franca.
Contato: (31) 3261-3910/ dotart@dotart.com.br.
Instagram.com/galeriadotart  

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now