quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Marie Bracquemond




Marie Bracquemond (1840-1916) Nasceu em Argenton-en-Lundunvez e morreu em Paris. Seu nome de solteira era Marie Quiveron. Quando seus pais foram morar em Paris, ela demonstrou maior interesse  pela pintura. Começou sob a orientação de M. Wasser e, com seu notável progresso transferiu-se para o atelier de Ingres, onde começou seu treinamento com dois de seus assistentes Flandrin e Signol. Frequentava o Louvre e, lá conheceu o artista Felix Bracquemond com quem se casaria em 1869. No ano seguinte, nasceu seu filho Pierre. Ambos trabalhavam no atelier de Auteuil. Ela influenciada pelo Impressionismo, mudou seu estilo e ficou próxima de Monet e Degas. Mais adiante, recebeu forte influência de Gauguin.  Essa nova fase desagradou seu marido, que se recusava a comentar e a mostrar seu trabalho. Ela se afastou das mostras públicas e continuou a pintar trabalhos em particular. Marie Bracquemond é considerada uma das três damas do Impressionismo junto com Berthe Morisot e Mary Cassat. Pierre Bracquemond, filho da artista foi o guardião da obra da mãe. Ele  organizou a última retrospectiva da grande artista.




Self-Portrait, 1870.


Louise Quivoron Aka Woman int he Garden, 1877


Woman with Umbrella, 1880. Coleção particular.



Sur la Terrasse at Sèvres, 1880. Musée du Petit Salon, Genebra.


Petit Paysage avec Maison. Musée de Rouen.



Intérieur au Salon, Museu do Louvre.



Self-Portrait. Gravura.




Portrait of Gustave Geffroy. Gravura.


Trois Femmes aux Umbrellas, 1887. Musée D'Orsay, Paris.



Afternoom Tea, 1889.



The Artist Son and Sister in the Garden at Sèvres, 1890. Coleção Eliana Pinaut Murin.


Under the Lamp, 1887. Coleção particular.



 Pierre Bracquemond as Child, 1887. Coleção particular.


Pierre Peignant des Fleurs, 1887. Coleção particular.

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now