sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Geórgia Gioconda Aguillar - Texto sobre o artista José Brito, Lisboa.



Trecho da matéria que escrevi para a Revista Encenação, sobre a obra de José Brito, excepcional artista contemporâneo português ( adorável amigo) :

O que pode ser dito em uma obra de arte?

Tudo e nada, fantasia, realidade e a escuridão dos corações aflitos e das mentes inquietantes.
Extrair a luz oculta da nossa própria existência, é nos inserir em dimensões criadas a partir do nosso universo pessoal, algo que pode ser impactante ou uma linha tênue distante da nossa percepção, mas que dentro da criação artística,é de grandeza extraordinária. Esta é a arte de José Brito e como ele define, a Caligrafia Dum Gesto Fugaz

José Brito, nasceu em 1958 em Lobão da Beira, Tondela, Portugal. e reside em Lisboa .
Licenciado em Artes Plásticas/Pintura na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa – 1989/94, cursou Técnicas do Fogo, na Escola de Artes Decorativas António Arroio, Lisboa.e tem Mestrado em História da Arte, na Universidade Lusíada de Lisboa, 

Desde 1994, José expõe coletivamente e individualmente em diversos países, desenvolvendo criticas excepcionais pelo seu estilo inconfundível.
Neste universo, é admirado por sua sensibilidade e cultura, por ícones das artes plásticas, como o brasileiro Siron Franco, reflexos da simbiose de José com o Brasil, através da imensa admiração por nossa cultura e arte, representadas pelo prazer de expor suas obras por aqui, desde 1996. 


Geórgia Gioconda Aguillar. 

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now