sábado, 14 de março de 2015

Chen Chien-Jen



Chen Chien-Jen (1960-) Nasceu em Taiwan. Estudou na Vocational High School of Art, Tawin. Utiliza-se de fotografias, performances e vídeos, esses, na maioria, sem som. Sua obra discute a vida dos moradores de uma região marginalizada, o trabalho, a migração, o isolamento e a passagem do antigo e tradicional para uma sociedade de consumo. Durante a lei marcial imposta em seu país, deixou de produzir trabalhos por oito anos, Participou das Bienais de Veneza, Istambul, Taipe, Lion, Kwongjin e São Paulo. Em 2000, recebeu o prêmio especial da Bienal da Coréia. Vive e trabalha em Taipe. É representado pela Chi-Wen Gallery.





Sem título Fotografia antiga manipulada.



Loss of Funcion #3, 1983. Performance.


The Chain, 1993-1999.

The Chains, 1993-1999.


Factory,, 2003. Vídeo.



Rules of Law, 1997. C-print Lony March Space.


Revolt in the Soul and a Body/A Way Going to An Insane City, 1996-1999. Digital black and white.


Rebirth I Twelve Karmas under the City, 2000. C-print.

The Route, 2006. Tate Gallery, Londres.


Military Court and Prision-Pushing People, 2008. Still from video installation. Main Trend Gallery, Taipe.


On the Empire's Border, 1996-2010.



Empire's Bordes II, 2010.



Happiness Building, 2012. Vídeo. Taipei Biennial.













Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now