segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Arnaldo Antunes e Bruno Drolshagen na Laura Marsiaj


Fotografando letras, palavras e frases soltas em diversas cidades, desde o início dos anos 90, Arnaldo foi compondo um vocabulário a partir do qual criou verdadeiros enredos analógicos, para expressar questões interiores com dizeres tirados do mundo exterior. 

As fotos foram animadas em stop motion e, além de se alternarem em diversos ritmos, associam-se em ocorrências simultâneas sempre diversas.

A curadoria é de Daniel Rangel.



"Busco preservar a intensidade do impulso, ao longo de todas as horas debruçadas em observações de folhas secas, cantos empoeirados, árvores, paredes e tudo que prende a atenção do meu olhar como artista. Meu interesse é apontar o que há de abstrato em minhas observações realistas do cotidiano."

Bruno Drolshagen



Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now