sexta-feira, 6 de junho de 2014

Leonardo Finotti Pelada Luciana Caravello Arte Contemporânea.


Leonardo Finotti – Pelada
Luciana Caravello Arte Contemporânea apresenta a partir do dia 10 de junho de 2014, às 19h, a exposição "Pelada", com 11 fotografias aéreas inéditas e recentes, feitas por Leonardo Finotti mostrando campos de futebol da periferia de São Paulo. Graduado em arquitetura pela Universidade Federal de Uberlândia, Minas, com mestrado em arte e fotografia, Leonardo Finotti especializou-se em fotografia de arquitetura a partir da 8ª Bienal de Veneza, em 2002, e tem seu trabalho publicado em centenas das mais prestigiosas publicações especializadas ao redor do mundo. Nascido em 1977, vive e trabalha em São Paulo.

Além do interesse natural em olhar para a arquitetura do que se constrói para Copa do Mundo, Finotti se interessou em lançar sua mirada em uma direção contrária. Na exposição “Pelada”, ele investigou entre 2007 e 2013 a relação entre os campos localizados na periferia da cidade de São Paulo e o contexto em que estão inseridos.   Sua fotografia é organizada em torno da estrutura espacial de cada projeto, mas neste projeto a favela ocupa um espaço onde a estrutura planejada é quase inexistente. Construção espontânea e contínua compõe uma imagem aleatória quase caótica.

Ao fotografar a periferia da cidade de São Paulo a partir do ar, ele descobre que os campos de futebol introduzem uma referência espacial, uma estrutura, algo sagrado de alguma forma. Estes campos, na maioria dos casos, são os únicos espaços públicos dos bairros, e são verdadeiras áreas de resistência do domínio público. Estabelecem uma nova imagem cívica de respeito pelo espaço comum. Mostram, sem publicidade e sem patrocinadores, o verdadeiro poder da relação entre o futebol e as pessoas, a arte e a política. 

Sobre o artista

Nascido em Uberlândia, Minas, em 1977, Leonardo Finotti constrói uma sólida carreira na fotografia especializada em arquitetura desde 2000.  Essa é a sua segunda exposição no Rio de Janeiro: a primeira aconteceu no Rio+20 no qual ele fez um lindo ensaio sobre as favelas cariocas. Naquela ocasião com foco no meio ambiente, e agora no futebol, por conta da Copa do Mundo, o enlace desses dois temas polêmicos fica claro: a desigualdade social brasileira, em especial em relação à construção da cidade. A imagem do país que se desenvolve e ganha espaço no cenário internacional como superpotência contrasta com a enorme pobreza que ainda não se conseguiu erradicar. Finotti entende isso muito bem e trouxe o tema à tona através das periferias das duas maiores metrópoles brasileiras – em sua série sobre as favelas do Rio, em 2012, e agora, em São Paulo – e na sua inquietação de estruturar o informal pelo seu olhar.

Paralelamente à exposição do Rio, Leonardo revisita a obra do arquiteto Paulo Mendes da Rocha na exposição em homenagem a ele, na Trienal de Milão e na Bienal de Arquitetura de Veneza deste ano, onde seu trabalho é protagonista no pavilhão brasileiro.

________________________________________________________________________________
 
Leonardo Finotti – Pelada

Luciana Caravello Arte Contemporânea presents, on June 10 2014, at 7pm, the exhibition “Pelada”, with 11 recent and unedited aerial photographs by Leonardo Finotti, showing soccer fields from São Paulo’s suburbs. Finotti graduated in Architecture at the Federal University of Uberlândia, Minas Gerais, Brazil, mastered in Art & Photography, and specialized in architectural photography after the 8th Venice Biennial, in 2002, and had his work featured in several of the most prestigious publications around the world. Born in 1977, Finotti lives and works in São Paulo, Brazil. 

Moreover the natural interest in the architectural landscapes that are being built for the World Cup, Finotti got interested in looking the opposite way. In the exhibition “Pelada”, he investigated, between 2007 and 2013, the relationship between soccer fields in São Paulo’s suburbs and the context they are inserted. His photography is organized around the spatial structure of each project, but in this project, the Favelas occupy a space where planned structures are almost inexistent. The spontaneous and continuous constructions build random and almost chaotic images.

By photographing the suburbs of São Paulo from the sky, Finotti discovers that the soccer fields introduce a spatial reference, a structure, something somewhat sacred. Most of these fields are the only public spaces in these neighborhoods, and they are true areas of resistance to public domain. They establish a new civic image of respect for the common spaces. They show, without publicity, without sponsors, the true power of the relationship between soccer and people, art and politics.

About the artist

Born in Uberlândia, Minas Gerais, Brazil, 1977, Leonardo Finotti built a solid career in architectural photography since 2000. This is his second exhibition in Rio de Janeiro; the first one took place in Rio+20, in which he produced a beautiful series on Rio’s Favelas. In that occasion he focused on environmental issues. Now he is set on soccer and the World Cup, but the two subjects are inevitably bound together: Brazilian social inequality, specially concerning the structure of the city as it’s built. The image of an emerging country which reaches its place in international grounds as a superpower is in contrast with the enormous poverty that is still not eradicated. Finotti understands that and brings the theme forward through the widest of poor neighborhoods in Brazil – his series on Rio’s Favelas and now in São Paulo's suburbs – and his restlessness to find structure in the non-formal through his view.

In parallel to the exhibition in Rio, Leonardo revisits the work of architect Paulo Mendes da Rocha in an exhibition in his honor at the Milan Triennial, and also at this year’s Biennial of Venice / Architecture, featured as the main work at the Brazilian Pavilion.

________________________________________________________________________________
Rua Barão de Jaguaripe 387, Ipanema - Rio de Janeiro, Brasil 
Tel: (21) 2523.4696 l contato@lucianacaravello.com.br
De segunda a sexta, das 10h às 19h. Sábado das 11h às 14h.
 
Copyright © 2014 Luciana Caravello, todos os direitos reservados.

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now