quarta-feira, 2 de abril de 2014

Ivan Pinheiro Machado O Mundo Como Ele Não É Espaço Cultural Citi, SP








Ivan Pinheiro Machado, pintor, arquiteto e fotógrafo, abre a exposição O Mundo Como Ele Não É, no Espaço Cultural Citi, com curadoria de Jacob Klintowitz. A mostra conta com 28 telas que reproduzem cenas da cidade de Nova York com exatidão e realismo.
 
A precisão da fotografia e o fascínio pessoal por grandes centros urbanos representam as maiores inspirações de Ivan, levando-o a recriar, em suas pinturas, todos os “cacos” cotidianos que se manifestam em placas, becos, lixos, sinais, etc. “É tão forte o realismo das cenas urbanas de Ivan Pinheiro Machado que podemos não sentir que se trata de ficção. A sua obra tem a particularidade de uma delicada luz que a percorre e é quase despercebida.”, comenta o curador da exposição. Com o tema urbano, o artista registra uma existência visível em detalhes da megacidade: “Gosto dos contrastes, como dos “yellow cab” novaiorquinos contra o cinza da cidade. Curto os outdoors, as pontes, os edifícios, os engarrafamentos, os semáforos agrupados como cachos de bananas. Acho lindos estes semáforos.”, nas palavras do artista.
 
Resultado de um desenvolvimento técnico que vive há quase 40 anos, Ivan usa fotografias como ponto de partida para suas pinturas, seguindo uma estética realista, pautada em grafismos, e demonstrando domínio técnico singular. A temática de seu trabalho pode variar, mas sempre possui uma grande cidade como fundo, evidenciando as surpresas que as ruas e esquinas lhe oferecem. O essencial, para ele, são os detalhes da metrópole: a cor, a luz, o estranho, o inusitado, onde o ser humano atua como “presença ausente” na maioria das telas. “Eu gosto de partir de uma foto e transformá-la, propondo um ângulo intrigante, curioso e até dramático. Aí então o pintor é gratificado, pois as pessoas olham com espanto, como se fosse a primeira vez que estivessem vendo aquilo.”, conclui.
 


 
 

 
 

 
 
Exposição: Ivan Pinheiro Machado – O Mundo Como Ele Não É
Curadoria: Jacob Klintowitz
Abertura: 7 de abril de 2014, segunda-feira, às 19h
Período: 8 de abril a 6 de junho de 2014
Local: Espaço Cultural Citi
Av. Paulista, 1.111 – São Paulo, SP
Tel.: (11) 4009 3000
Horário: Segunda a sexta-feira, das 9 às 19h. Sábado, domingo e feriados, das 10 às 17h.



Ivan Pinheiro Machado traz a São Paulo suas pinturas realistas

 

Ivan Pinheiro Machado, pintor, arquiteto e fotógrafo, abre a exposição O Mundo Como Ele Não É, no Espaço Cultural Citi, com curadoria de Jacob Klintowitz. A mostra conta com 28 telas que reproduzem cenas da cidade de Nova York com exatidão e realismo.

 

A precisão da fotografia e o fascínio pessoal por grandes centros urbanos representam as maiores inspirações de Ivan, levando-o a recriar, em suas pinturas, todos os “cacos” cotidianos que se manifestam em placas, becos, lixos, sinais, etc. “É tão forte o realismo das cenas urbanas de Ivan Pinheiro Machado que podemos não sentir que se trata de ficção. A sua obra tem a particularidade de uma delicada luz que a percorre e é quase despercebida.”, comenta o curador da exposição. Com o tema urbano, o artista registra uma existência visível em detalhes da megacidade: “Gosto dos contrastes, como dos “yellow cab” novaiorquinos contra o cinza da cidade. Curto os outdoors, as pontes, os edifícios, os engarrafamentos, os semáforos agrupados como cachos de bananas. Acho lindos estes semáforos.”, nas palavras do artista.

 

Resultado de um desenvolvimento técnico que vive há quase 40 anos, Ivan usa fotografias como ponto de partida para suas pinturas, seguindo uma estética realista, pautada em grafismos, e demonstrando domínio técnico singular. A temática de seu trabalho pode variar, mas sempre possui uma grande cidade como fundo, evidenciando as surpresas que as ruas e esquinas lhe oferecem. O essencial, para ele, são os detalhes da metrópole: a cor, a luz, o estranho, o inusitado, onde o ser humano atua como “presença ausente” na maioria das telas. “Eu gosto de partir de uma foto e transformá-la, propondo um ângulo intrigante, curioso e até dramático. Aí então o pintor é gratificado, pois as pessoas olham com espanto, como se fosse a primeira vez que estivessem vendo aquilo.”, conclui.

 

 

Exposição                  Ivan Pinheiro Machado – O Mundo Como Ele Não É

Curadoria                   Jacob Klintowitz

Abertura                     7 de abril de 2014, segunda-feira, às 19h

Período                       8 de abril a 6 de junho de 2014

Local                          Espaço Cultural Citi

Av. Paulista, 1.111 – São Paulo, SP

Tel.: (11) 4009 3000

Horário                        Segunda a sexta-feira, das 9 às 19h. Sábado, domingo e feriados, das 10 às 17h.

Número de obras        28

Técnica                       Pintura a óleo e tinta acrílica

Dimensões                 90 x 60 cm a 90 x 120 cm

 

 

Ass. Imprensa - Ivan Pinheiro Machado - Balady Comunicação – Silvia Balady/Zeca Florentino

Tel.: (11) 3814.3382 – contato@balady.com.br

 

 

Ivan Pinheiro Machado

Nasceu em 1953, em Porto Alegre/RS, onde vive até hoje. Tem dois filhos, Maria Manoela e Antonio. Arquiteto formado pela UFRGS. Como jornalista, trabalhou em diversos veículos de comunicação como Veja (sucursal RS), Zero Hora, Correio do Povo entre outros. Em 1974, com Paulo de Almeida Lima, fundou a L&PM Editores, na qual permanece até hoje como editor, tendo publicado em 40 anos cerca de 3.000 títulos. Ganhou vários prêmios e fez diversas exposições individuais em São Paulo, Porto Alegre, Nova York, Paris, entre outras cidades.

 

Espaço Cultural Citi

Mantém desde 2005 a sua vocação de mostrar obras de arte no centro vital de São Paulo. Passaram por ali as obras de nomes consagrados, como Fernando Pacheco, Rubens Matuck, Luis Martins, Mary Carmen, Yutaka Toyota, Neto Sansone, Antonio Helio Cabral, Ivo Perelman, Anca Gavris, Fernando Araújo, César Romero, Taísa Nasser, Marcello Grassmann, Rubens Gerchman, Luiz Paulo Baravelli, Caciporé Torres, Sérgio Lucena, Antonio Peticov, Maurício de Sousa, Claudio Tozzi, Marcello Nitsche, Odilla Mestriner, Aldemir Martins e Shoko Suzuki, além de jovens que se firmam como Luciana Maas, Maurício Parra, Carola Trimano e Manu Maltez.
Zeca
---
Balady Comunicação
Tel.: 11-3814.3382

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now