terça-feira, 11 de março de 2014

José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte



O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, recebe o lançamento do livro José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte, do pintor, escultor, escritor, curador, músico e performer. Com textos de Solange Lisboa, introdução de Nelson Aguilar e design de Fernanda Sarmento, é uma retrospectiva da carreira do artista, com cerca de 250 pinturas e 250 fotografias documentais que representam suas principais obras, inserindo-as em seu contexto original e traçando, assim, um panorama da cena cultural brasileira desde a década de 1960 até os dias atuais.

Composto por dois volumes, o livro apresenta trabalhos reunidos entre 1960 e 1989, no primeiro tomo, e de 1990 a 2010 no segundo, sendo os capítulos organizados por décadas, apresentando as pinturas de cada período, bem como páginas contextuais com fotos históricas, críticas, documentos e itens relativos a outras áreas além do campo das artes plásticas. Em geral, a publicação revela a facilidade que Aguilar possui de passear por diferentes suportes com total desenvoltura. Nesses 50 anos, o multiartista transitou entre a pintura – além de vídeoarte, vídeoinstalações e performances – e a liderança da Banda Performática, que mistura pintura, música, teatro e circo. A admiração pela literatura e pela mitologia torna tais assuntos sempre presentes em sua produção, ao se apropriar da escrita e dos signos, fazendo-os e “transcriando-os” como elementos integrantes em suas telas.

Com ritmo dinâmico de leitura, o livro acrescenta informações que podem ser consideradas genuínos recortes da cultura brasileira das últimas 5 décadas, no intuito de construir um relato histórico da relevante obra de Aguilar, bem como da cultura de vanguarda no Brasil.


SERVIÇO
Evento: Lançamento do livro José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte
AutorJosé Roberto Aguilar
Data: 13 de março de 2014, quinta-feira, às 19h
Local: Museu da Casa Brasileira – www.mcb.org.br
Endereço: Avenida Brigadeiro Faria Lima, 2705, Jardim Paulistano   


LIVRO: José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte
Editora: Imprensa Oficial
Número de páginas: 512, em 2 volumes
Dimensão: 28x29 cm


















50 anos de carreira de José Roberto Aguilar é marcado por lançamento de livro

O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, recebe o lançamento do livro José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte, do pintor, escultor, escritor, curador, músico e performer. Com textos de Solange Lisboa, introdução de Nelson Aguilar e design de Fernanda Sarmento, é uma retrospectiva da carreira do artista, com cerca de 250 pinturas e 250 fotografias documentais que representam suas principais obras, inserindo-as em seu contexto original e traçando, assim, um panorama da cena cultural brasileira desde a década de 1960 até os dias atuais.

Composto por dois volumes, o livro apresenta trabalhos reunidos entre 1960 e 1989, no primeiro tomo, e de 1990 a 2010 no segundo, sendo os capítulos organizados por décadas, apresentando as pinturas de cada período, bem como páginas contextuais com fotos históricas, críticas, documentos e itens relativos a outras áreas além do campo das artes plásticas. Em geral, a publicação revela a facilidade que Aguilar possui de passear por diferentes suportes com total desenvoltura. Nesses 50 anos, o multiartista transitou entre a pintura – além de vídeoarte, vídeoinstalações e performances – e a liderança da Banda Performática, que mistura pintura, música, teatro e circo. A admiração pela literatura e pela mitologia torna tais assuntos sempre presentes em sua produção, ao se apropriar da escrita e dos signos, fazendo-os e “transcriando-os” como elementos integrantes em suas telas.

Com ritmo dinâmico de leitura, o livro acrescenta informações que podem ser consideradas genuínos recortes da cultura brasileira das últimas 5 décadas, no intuito de construir um relato histórico da relevante obra de Aguilar, bem como da cultura de vanguarda no Brasil.


SERVIÇO
Evento                       Lançamento do livro José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte
Autor                          José Roberto Aguilar
Data                           13 de março de 2014, quinta-feira, às 19h
Local                           Museu da Casa Brasileira – www.mcb.org.br
Endereço                    Avenida Brigadeiro Faria Lima, 2705, Jardim Paulistano   

LIVRO                        José Roberto Aguilar: 50 Anos de Arte
Editora                                    Imprensa Oficial
Número de páginas    512, em 2 volumes
Dimensão                   28x29 cm



Ass. Imprensa – José Roberto Aguilar - Balady Comunicação – Silvia Balady/Zeca Florentino
Tel.: (11) 3814.3382 – contato@balady.com.br


José Roberto Aguilar
Nascido em São Paulo em 1941, começou a participar da vida cultural brasileira em 1958, através do movimento Kaos, manifestação vanguardista de Jorge Mautner que incluía sessões de poesia, literatura e performance. Realizou sua primeira exposição em 1961. Em 1963, foi selecionado para a Bienal Internacional de São Paulo. Participou, em 1965, da mostra Opinião-65, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Recebe o Prêmio Itamaraty na Bienal de São Paulo, em 1967, onde volta a expor em 1969. Na década de 60, centraliza sua ação em seu atelier. Na virada dos anos70, se viu obrigado a viver no exterior, morando em Londres, onde realizou exposição em Birmingham. Retorna ao Brasil em 1973, e faz exposições no Rio e em São Paulo. Vive em Nova York entre 1974 e 1975, onde começa a realizar um trabalho pioneiro de vídeoarte. Participou de vídeoperformances no Beaubourg, em Paris, e no Festival de Vídeoarte de Tóquio, em 1978. Participa novamente da Bienal de São Paulo em 1979. Na década de 80, desenvolve grande atividade como pintor, realizando diversas exposições, inclusive na Alemanha e nos Estados Unidos. Paralelamente, reforça sua imagem de artista multimídia através de inúmeras performances, da criação e apresentações da Banda Performática, da realização de montagens e espetáculos em praças públicas. Compõe músicas, grava discos, escreve e edita livros. Desenvolve suas ligações com a religiosidade e a capacidade humana de transcendência. Nos anos 90, deu continuidade às suas múltiplas atividades e realizou duas mega exposições com quadros de grandes dimensões, no MASP e no MAM/SP (1991 e 1996), além de exposições no exterior. Tornou-se diretor da Casa das Rosas entre 1996-2002. Trabalhou como representante do Ministério da Cultura em São Paulo até 2007.

Museu da Casa Brasileira
O MCB, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, é o primeiro museu especializado em arquitetura e design do país. Ao longo de mais de quatro décadas de existência tornou-se referência nacional e internacional nessas áreas por promover programas como o Prêmio Design MCB, concurso criado há 28 anos com o objetivo de incentivar a produção brasileira no segmento. Em paralelo, o museu realiza o projeto Casas do Brasil, de resgate e preservação da memória sobre a diversidade do morar do brasileiro, que terá sua 6ª edição em 2014.

Zeca
---
Balady Comunicação
Tel.: 11-3814.3382

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now