domingo, 20 de janeiro de 2013

Goya As Obras Religiosas








Francisco Jose Goya y Lucientes (1746-1828) Um dos maiores nomes da pintura espanhola. Foi excepcional gravurista. Começou seu aprendizado aos 13 anos, em Saragoza, com José Luzán importante artista. Mais tarde, em Madrid, estudou com Francisco Bayeu. Durante um ano, ficou na Itália para aperfeiçoamento. Em Madrid, foi eleito membro da Academia de San Fernando e tornou-se pintor do rei Carlos III. Título confirmado pelo sucessor Carlos IV. Trabalhou com paisagens, retratos, temas religiosos, mitológicos e obscenos. Por duas vezes, foi indicado em processo da Inquisição, conseguiu absolvição em ambos. Goya era um apaixonado pelas touradas. Pintou vários quadros sobre o tema.  No fim da vida, triste e doente retirou-se para Bordeaux, França, onde morreu.  As obras religiosas de Goya são em sua maioria do início de sua carreira. Eram patrocinadas pela Igreja e incluem pinturas em telas e afrescos. Self Portrait, 1815.



Virgin of Pillar, 1771-1775. Museo Provincial, Zaragoza.



Birth of Virgin, 1772. Chaterhouse of the Aula Dei, Zaragoza.



Adoration of  the  Name of Lord, 1772. Catedral de Pilar, Zaragoza.


The Death of Saint Joseph, 1787. Museo de San Joaquín y Santa Ana. Valladolid.



Saint Gregory The Great, 1796-1799. Museo Romántico, Madri.



Christ on the Cross,1780. Museu do Prado, Madri. Com essa obra Goya foi admitido como membro da Academia de São Fernando.



The Holly Family, 1780. Museu do Padro, Madri.



The Last Communion of Saint Joseph Calazans, 1818. Musée Bonnat, França.


Goya Another Look _ Philadelphia Museum of Art, 1999.

Hugues, Robert. Goya, S. Paulo: Companhia das Letras, 2007
 

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now