quinta-feira, 8 de março de 2012

Glen Ligon Arte conceitual


Glenn Ligon (1960-) Nasceu no Bronx. Graduou-se ma Wesleyan University. Participou do projeto de estudos independentes do Whitney Museum of American Art. Vive e trabalha em Nova York. Artista conceitual cuja obra discute sexo, raça, identidade, desejo e sua sexualidade. Utiliza sua própria experiência pessoal de afro descendente e de homosexualidade para realizar seu trabalho. Desenho, pintura, fotografia, vídeo e neon são seus meios prediletos. Participou das Bienais de Sidnei, de Veneza, do Whitney Museum e de Kwongju. Esteve na Documenta de Kassel XI. É representado pela Regent Projects, Los Angeles. O artista teve retrospectiva no Whitney Museum of America Art, Nova York.




Warm Broad Glow, 2005




I agree # 1, 2007.

Sem título





America, 2011.




Instalação no Whitney Museum of American Art. Com poster de escravos e fotos do livro Black Book de Mapplethorpe construiu sua própria narrativa.




Rückenfigur, 2009. Neon e tinta.




Da exposição America.




No 417, 1990. Dreambook Series.




Instalação Self-portraits, 1996.




Sem título Thank you, 2008.




Self portrait at eleven years old, 2004. Coleção particular.




Stranger in the village no 17, 2000. Coleção particular.



There is a consciousness we all have, 1988. MoMA, Nova York.





Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now